Postagens populares

Seguidores

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

O que dizer quando se tratar de vinho.


Palavras que você pode falar em uma degustação.

Adstringente: que dá a sensação de "amarrar a boca", como a provacada pela banana verde. Indica vinhos duros, com muito tanino.

Agulha: sensação agradável de picadas na língua, típica dos vinhos verdes, de Portugal.

Amplo: vinho com muita riqueza e qualidade de aromas.

Aspectos Organolépticos: que se percebem pelos sentidos (aroma, corpo, sabor, textura).

Austero: vinho de guarda que ainda mantém alta concentração de tanino.

Bouchonné: defeito grave causado pela contaminação da rolha.

Chato: vinho carente de acidez.

Curto: vinho de retrogosto pouco persistente.

Estruturado: vinho com tanino, álcool e acidez bastante presentes.

Madeirizado: vinho branco oxidado que passa a apresentar tonalidade entre o dourado e o castanho, aroma adocicado e gosto amargo de madeira.

Maduro: vinho que atingiu o estágio de evolução ideal.

Magro: vinho aguado, pobre.

Mofado: defeito grave causado pelo excesso de umidade e por problemas de higienização.

Oxidado: defeito grave causado pelo contato com o oxigênio.

Quente: vinho com alto teor alcoólico, que provoca aquecimento na boca.

Rançoso: vinho com gosto de manteiga passada.

Rolha: defeito grave causado pela contaminação da rolha. O mesmo que bouchonné.

Vinoso: característica de vinhos muito jovens, que lembram mostos.

Não Diga Isso

"Vinho, quanto mais velho, melhor":
poucos vinhos se prestam ao envelhecimento, à guarda. A maioria deles deve ser consumida jovem ou com poucos anos de estágio em garrafa. Grande parte dos vinhos, antes de ir para a garrafa, passa por um estágio de amadurecimento em barricas de carvalho. Essa fase é importante especialmente para os tintos, pois faz parte da "educação" do vinho, ou seja, do controle de adstrigência e acidez. O vinho se torna mais macio e resistente à oxidação.

"Que gostinho bom de uva": somente alguns vinhos finos têm gosto que lembra a uva (exemplos: moscatel, Gewürztraminer, Malvasia). Vinhos com cheiro acentuado de uva são de baixa qualidade.

"Vinho Suave": fale vinho doce, ao se referir a vinhos de sobremesa. Suave é palavra associada a vinhos de baixa qualidade, que foram adoçados artificialmente com açúcar.

Só para constar: Amadurecimento é diferente de envelhecimento. O primeiro ocorre na barrica, sob controle de quem a adquire.

Nenhum comentário: